Como meditar corretamente

Corpo_Alma_retiro_meditacao3

                A meditação é uma ótima maneira de encontrar, paz, amor, equilíbrio mental e espiritual, e muitas outras coisas. Meditar é quando nossos pensamentos se conectam em um propósito e se desconectam do mundo exterior, e é de nossa escolha no que focar, seja apenas no relaxamento para um grande desenvolvimento do espírito, ou para atrairmos coisas, como mentalizarmos riqueza, amor, paz, pureza, harmonia em todas áreas da vida… Mas pelo contrario de que se imagina, meditar não é tarefa fácil, pois, principalmente nessas eras de estresse e pouco tempo em que vivemos, é completamente desafiador conseguir relaxar por completo, esquecer do mundo, dos problemas, das coisas negativas. Mas com jeito e vontade tudo da certo, e com a meditação a vida fica melhor.

                     1 – Para começar a meditar, primeiro devemos saber dos pensamentos ruins, bons ou as distrações. Quando você começar a meditar, acaba sendo dominado pelos pensamentos, onde é comum em começar a pensar coisas que não lembrava há anos, como quando caiu quando pequeno, o primeiro amor, uma briga… Esses pensamentos surgem, pois nossa mente não é acostumada com o “vazio”, com a quietude. Somos bombardeados diariamente por coisas e mais coisas, e nos desfazer disso é mesmo complicado, mas aos poucos conseguimos. Isso se chama “Mente de Macaco”, que como os macacos, nossos pensamentos saem pulando de galho em galho, ou seja, pensamos em uma coisa e essa coisa nos leva a outra, e a outra a outra… Isso é normal.

                             2 – Sabendo de que é normal não se concentrar totalmente de início, e mesmo assim querer continuar a meditar, o segundo passo é escolher um lugar adequado.  Para meditar precisa-se de um lugar calmo, ou um quarto ou um escritório, contanto que nesse lugar escolhido não tenha distrações a cada momento, como barulho de ventilador, cachorros latindo ou pessoas falando segundo a segundo. Pode ser uma meditação só ou em grupo, mas que as pessoas envolvidas, se em grupo, tenham a responsabilidade de não atrapalharem as outras.

                       3 – O ambiente tem que ser acolhedor e limpo. Não é legal meditar num lugar sujo, cheio de roupas jogadas pelo chão, tomado pela bagunça, apertado que te faça morrer de calor ou te fazer perder um pouco do fôlego. Um lugar repleto de bugigangas como em quartinhos da bagunça, já que assim não tem como se concentrar e se conectar ao espírito, pois se você não consegue arrumar sua casa, como vai arrumar sua mente? Uma boa opção são ambientes com poucos móveis, e cheirosos… Pode até colocar alguns incensos para ajudar na meditação, ligar uma musica especial para isso, ou quem sabe algo que represente o barulho de água.  O som da água nos deixa calmo.

                            4 – A posição tem que ser confortável. Não adianta tentar cruzar as pernas totalmente como os Budistas “na posição de Lótus”, se você sabe que não vai conseguir se manter assim por um bom tempo, é melhor sentar da maneira que fique bem acolhido. Sente-se em uma almofada e cruze as pernas confortavelmente, depois leve as mãos perto do umbigo as juntando, uma sobre a outra, fique com a coluna reta, mas não provocando dor, e abaixe um pouco a cabeça. Tem a opção dos olhos semicerrados ou completamente fechados, mas se fechá-los, tente não dormi, meditar não é dormir.  Outra boa técnica, é colocar a língua atrás dos dentes superiores ou no céu da boca, pois assim você produzirá menos saliva e não vai ter que se preocupar em engoli-la a todo momento.

                          5 – Não desistir. Muita gente começa a meditar achando que vai poder manipular objetos com a mente ou sair do próprio corpo, e se você é um desses, é melhor desistir mesmo, mas se não for, continue. Meditar é se conectar com o universo, seja ele o exterior, outras pessoas, o cosmo, os planetas, a terra… Ou seja ele o interior, nós mesmos, nosso universo particular. Não pode parar de tentar só porque não conseguiu das primeiras vezes, ou porque a posição incômoda, se realmente isso te faz mal, medite deitado, fale com alguém durante a meditação, comesse só com poucos minutos, fique de olhos abertos, não cruze as mãos… De pouco se chega ao muito.

Vídeo relacionado: Flavia Melissa

https://www.youtube.com/watch?v=1brETCPJUwc

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s